<body>

Deixa com o Beque !!

sábado, fevereiro 23, 2002

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:28 PM




Isso que eu chamo de "entrar de cabeça na coisa"...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:21 PM




Já estou enxergando bem melhor que antes...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:20 PM



OS 10 TIPOS DE CU


1 - CU DE LOURA - Toda loura autêntica tem CU rosa, ou, na pior das
hipóteses, escarlate. CU não mente. Um falsa loura pode facilmente
pintar os pentelhos, mas o CU jamais. Loura de CU preto ou cinza, pode ser tudo,
menos loura autêntica. Como tudo na vida, o CU de loura falsa tem muitas
vantagens já que o CU rosa das puro-sangue são pouco resistentes e arrombam-se
facilmente, e na segunda penetração o usuário não vai precisar nem dar
a clássica cusparada, o que tira metade do prazer. CU bom é CU de luta,
CU que dá trabalho. Assim, chego a lamentável conclusão que além de burras,
as louras tem CU Lada. Mas vamos a outros exemplos.

2 - CU LADA - Classificado em homenagem ao carro russo, CU Lada é o
que deixa o usuário a mão. Arromba logo, sangra, a proprietária chora,
xinga, enfim, só dá aporrinhação. Lembrando que CU não dá Procon, aviso:
evite esse CU, que não satisfeito, depois de arrombado faz o usuário achar que
tem pau pequeno.

3 - CU SOWETO - CU preto é o melhor que existe, e está instalado em
muitas mulheres que, por preconceito, não tem coragem de botar o espelhinho.
Você sabia que 87,6% das mulheres não sabe a cor do próprio CU? O CU preto
está sempre apertado, exige escarrada e, em muitos casos, o lubrificante KY
misturado com Bardhall B-12, e por maior que seja a vara do usuário,
ele volta a condição original em menos de meia hora. Darwin morreu sem
concluir que o CU preto é o verdadeiro elo perdido.

4 - CU RUA DAS PEDRAS - Classificado em homenagem a famosa rua de
Búzios, também conhecida como rua do vai e vem, onde ninguém come ninguém, o
CU Rua das pedras vive escondido em bunda boa, cuja dona é exibida, galinha,
mas não dá pra ninguém. Bom lembrar que quanto maior a bunda pior o CU,
você sabia? Por que John Lennon pegou aquela cisma com Yoko Ono?
Porque japonesa não tem bunda, e a distância entre o CU e a rua é quase zero, o que significa
aproveitamento total da vara. Já o bundão consome 35% da vara só na entrada,
o usuário enterra tudo e a proprietária ainda humilha: "mete tudo logo
meu bem".

5 - CU QUEBRA-MOLAS - Também conhecido como "Três Marias" o CU
quebra-molas proporciona três trancos no início da penetração. Seu design arrojado
exige muita técnica da parte do usuário pois cada tranco é um grito. A Organização
Mundial de Saúde e a Sociedade Mundial dos Artistas Circenses recomendam
travesseiro na boca da proprietária para que a vizinhança não chame a polícia.
Mas, cuidado. O CU quebra-molas adora estourar o cabresto do usuário,
que jorrando sangue como chafariz, é vaiado na saída do motel e, pior,
na emergência do hospital onde é xingado de "barbeiro", “bundão", "cegueta" e similares.

6 - CU HITCHCOCK - Homenagem ao mestre do suspense, o CU Hitchock só
dá no escuro e por isso muita gente chama de "montanha russa espacial". Em
geral as proprietárias são as que gostam de dar no breu total, mandam apagar
a luz e fechar a cortina e o usuário tem que comer esse CU em braile,
enfiando um dedo aqui, dando uma cusparada acolá. Recomenda-se uma rajada de
Dermacyd na cabeça do pau porque ninguém sabe o que está por vir.

7 - CU CANALHA - Mau caráter, esse CU também gosta do escuro mas por
motivos hediondos. Ele desvia o pau para a buceta e muitos usuários não
percebem. Por isso, para evitar constrangimentos, ao suspeitar da presença de um
CU CANALHA, logo que penetrá-lo enfie o dedo na buceta da proprietária.
Se não tiver nada você está, de fato, comendo o CU.

8 - CU ARCEBISPO - Homenagem aos arcebispos (177% são viados) esse CU
só dá de saia levantada, como se fosse batina. Jamais aceitam que a proprietária
tire a roupa. O CU arcebispo gosta da tensão de alguém estar chegando, a
usuária olha tensa de um lado pro outro, e manda ir rápido, como fazem os
cardeais, padres seminaristas e outros alces na nossa Igreja católica quando
dão a bunda para jardineiros, bombeiros hidráulicos e outros usuários.
É um CU assustado.

9 - CU REBOUÇAS - Muito encontrado na Zona Norte do Rio de Janeiro,
leva, esse nome em homenagem ao principal elo de ligação (Túnel) entre esse bairro e
o resto do mundo. Normalmente encontrado em mulheres que, mal você botou
o pau pra fora, ela já está mandando você botar no CU dela. E quando você
olha percebe que o lugar é mais espaçoso do que a defesa do Fluminense.
Seus movimentos, ao invés de serem pra frente e pra trás, têm que ser
também pra cima e pra baixo, senão ela nem percebe o que está acontecendo.
Encontrado facilmente no mercado, pois a proprietária nunca goza. Por causa do
seu peculiar tamanho GG, precisa de um instrumento típico de jegue e que
anda meio em falta no mercado atualmente.

10 - CU BURACO NEGRO - Uma verdadeira surpresa. Quando você coloca
pela primeira vez, ele automaticamente se retrai, enquanto a proprietária
fica gemendo igual a uma louca. Você tem que fazer um puta esforço para se
livrar da força de sucção e dar pelo menos umas três estocadas. Tem o efeito
inverso do anterior, pois como o homem mal consegue se mover, a mulher
sempre goza antes e fica mandando você tirar pra lhe dar aquela tradicional
atenção.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 4:44 PM


sexta-feira, fevereiro 22, 2002

O DIREITO AO FODA-SE.
Os palavrões não nasceram por acaso. São recursos extremamente
válidos e criativos para prover nosso vocabulário de expressões que
traduzam
com a maior fidelidade nossos mais fortes e genuínos sentimentos.
É o Povo fazendo sua língua. Como o Latim Vulgar, será esse
Português "Vulgar" que vingará plenamente um dia. Sem que isso signifique a
"vulgarização" do idioma, mas apenas sua maior aproximação com a gente
simples das ruas e dos escritórios, seus sentimentos, suas emoções, seu
jeito, sua índole.
"Pra caralho", por exemplo. Qual expressão traduz idéia de maior quantidade
do que "Pra caralho"? "Pra caralho" tende ao infinito, é quase uma
expressão matemática, física. A Via-Láctea tem estrelas
pra caralho, o Sol é quente pra caralho, o universo é antigo pra
caralho, eu gosto dela pra caralho, entende?
No gênero do "Pra caralho", mas no caso expressando a mais absoluta
negação está o famoso e crescentemente utilizado "Nem fodendo!", que nem o
"Não, não e não!" e nem tampouco o nada eficaz e já sem
nenhuma credibilidade "Não, absolutamente não!" substituem.
O "Nem fodendo" é irretorquível, liquida o assunto. Te libera, com a
consciência e o ego tranqüilos, para outras atividades de maior interesse
em
sua vida.
Aquele filho pentelho de 17 anos te atormenta pedindo o carro pra ir
surfar no litoral? Não perca tempo nem paciência. Solte logo um definitivo
"Huguinho, presta atenção, filho querido, NEM FODENDO!". O
impertinente se manca na hora e vai pro Shopping se encontrar com a turma
numa boa e você fecha os olhos e volta a curtir o novo CD do Lupicínio.
Por sua vez, o "porra nenhuma!" atendeu tão plenamente as situações
onde nosso ego exigia não só a definição de uma negação, mas também o
justo escárnio contra descarados blefes, que hoje é totalmente impossível
imaginar que possamos viver sem ele em nosso cotidiano profissional.
Como comentar a bravata daquele chefe idiota senão com um "é PhD
porra nenhuma!", ou "ele redigiu aquela matéria sozinho porra nenhuma!". O
"porra nenhuma", como vocês vêem, nos provê sensações de incrível bem estar
interior. É como se estivéssemos fazendo a tardia e justa denúncia pública
de um canalha. São dessa mesma gênese os clássicos "aspone", "chepone",
"repone" e, mais recentemente, "prepone" - presidente de porra nenhuma.
Há outros palavrões igualmente clássicos. Pense na sonoridade única
de um "Puta-que-pariu!", ou seu correlato "Puta-que-o-pariu!", falados
assim, cadenciadamente, sílaba por sílaba...Diante de uma notícia irritante
qualquer um Puta-que-o-pariu! Dito assim te coloca outra vez em seu eixo.
Seus neurônios têm o devido tempo e clima para se reorganizar e sacar a
atitude que lhe permitirá dar um merecido troco
ou o safar de maiores dores de cabeça.
Pronto, você retomou as rédeas de sua vida, sua auto-estima.
Desabotoa a camisa e saí à rua, vento batendo na face, olhar firme, cabeça
erguida, um delicioso sorriso de vitória e renovado amor-íntimo nos lábios.
Seria tremendamente injusto, em que pesem ainda inexplicáveis e
preconceituosas resistências à sua palavra-raiz, não registrar aqui
expressão de maior poder de definição do PV (Português Vulgar):
"O nível de stress de uma pessoa é inversamente proporcional à
quantidade de "foda-se!" que ela fala. Existe algo mais libertário do que o
conceito do "foda-se!"? O "foda-se!" aumenta nossa auto-estima, nos torna
uma pessoa melhor. Reorganiza as coisas. Nos liberta.
"Não quer sair comigo? Então foda-se!."
"Vai querer decidir essa merda de texto sozinho(a)mesmo? Então foda-se!"
O direito ao "foda-se!" deveria estar assegurado na constituição
brasileira.
Liberdade, igualdade, fraternidade e foda-se.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:12 AM





quarta-feira, fevereiro 20, 2002


HOJE É UM DIA ESPECIAL

Reúnam a família, chamem as crianças e os vizinhos, pois no próximo dia 20 de fevereiro, às 20h02m, haverá em cada fuso horário do planeta um momento numericamente histórico, que não será assinalado por festas com fogos de artifício, nem badalar de sinos, nem paradas pelas ruas. Naquela hora específica daquela data específica, acontecerá algo que só duas vezes ocorreu antes e apenas mais uma vez ocorrerá no futuro. As duas ocasiões anteriores se deram há 1001 e há 891 anos, respectivamente.

Se você ainda não se tocou, quando os relógios digitais abandonarem o minuto 20h01m, por sessenta segundos os mostradores exibirão uma seqüência de números em perfeita simetria -- 20:02, 20/02, 2002 -- obviamente, apenas nos aparelhos que adotam o padrão dia/mês (dd/mm). No passado, já tivemos o instante das 10h01m em 10 de janeiro do ano 1001 (10:01, 10/01, 1001) e o instante das 11h11m no dia 11 de novembro do ano 1111 (11:11, 11/11, 1111). Pena que, nessas duas oportunidades, os habitantes do planeta não puderam apreciar o fato, visto que não havia relógios digitais então.

Pelo fato de os mostradores de "hora:minuto" em formato 24 horas só irem até 23h59m, depois da data que se aproxima, o fato só ocorrerá mais uma vez no futuro, daqui a 110 anos. Será às 21h12m do dia 21 de dezembro de 2112 (21:12, 21/12, 2112). Depois disso, nunca mais, pois só existem 12 meses e a simetria do tipo descrito só comporta anos com quatro dígitos.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 8:09 AM


terça-feira, fevereiro 19, 2002

*Publicado por Dhuvi-Luvio 7:38 PM




segunda-feira, fevereiro 18, 2002


*Publicado por Dhuvi-Luvio 7:58 PM


Dieta para o stress!

Essa dieta foi desenvolvida para ajudar você a lidar com o stress que vai se acumulando durante o dia.

Café da Manhã:
* meio mamão papaia
* 1 torrada de trigo integral
* 200 ml de leite desnatado

Almoço:
* 200 gr de peito de frango grelhado
* 1 xícara de espinafre cozido no vapor
* 1 xícara de chá de ervas
* 1 cookie de chocolate da Nabisco

Lanche da tarde:
* o resto do pacote de cookies
* 1 pote de 450 ml de sorvete Haagen Dazs de Vanilla Swiss Almond com cerejas e Chantilly
* 1 tubo de calda de chocolate quente

Jantar:
* 2 fatias de pão de alho
* 4 latas ou uma garrafa grande de Coca-cola
* 1 pizza grande de calabresa com cobertura extra de queijo
* 3 barras de chocolate com castanha de caju

Ceia:
* 1 torta de limão Miss Daisy inteira, de preferência comida diretamente do freezer


******* Regras para a dieta *******

1- Se você comer alguma coisa e não tive ninguém por perto, essa coisa não tem calorias.
2- Se você tomar um refrigerante diet e comer uma barra de chocolate, as calorias do chocolate são anuladas pelo refrigerante diet.
3- Quando você come acompanhado, as calorias não contam se você comer tanto quanto as pessoas que estão com você.
4- Comidas usadas com propósito medicinal NUNCA contam calorias. Por exemplo: chocolate quente, brandy, torradas e torta de limão Miss Daisy.
5- Se você conseguir engordar todos a sua volta, vai parecer mais magro.
6- Comidas associadas a cinema não tem calorias extras porque fazem parte do programa e não do seu combustível pessoal. Exemplo: pipoca com manteiga, drops de hortelã, batatas fritas, cachorros quentes, Bis.
7- Pedaços de cookies não contam calorias porque o processo de quebrar os biscoitos queima calorias.
8- Coisas que grudam em facas e colheres não tem calorias desde que você esteja envolvido no processo de preparação da comida quando elas grudarem.
9- Comidas da mesma cor tem o mesmo número de calorias. Exemplos: espinafre e sorvete de pistache, abacaxi e purê de batatas, beterrabas e geleia de framboesa.
10- Chocolate tem cor universal e pode ser substituído por qualquer outra cor de comida, sem acréscimo de calorias.
11- Alimentos consumidos em pé não contem calorias. As calorias caem no chão por causa da relação entre gravidade e densidade da massa calórica.
12- Qualquer coisa que você coma do prato da outra pessoa não tem calorias, uma vez que as calorias pertencem, por direito, a outra pessoa, e, automaticamente pularão de volta para o prato dela (todos sabemos como as calorias gostam de pular de um lado para o outro).
13- Numa recepção com buffet é importante discernir entre as coisas que engordam e as que não. Por exemplo:
a. salgadinhos e doces oferecidos nas bandejas pelos garçons são mais calóricos se você esta conversando com alguém que se recusa a aceitá-los
b. para não acumular calorias, é recomendável que você apanhe comida sempre em pontos diferentes do salão, nunca servindo-se 2 vezes em seguida da mesma bandeja
c. a regra acima não vale quando você estiver sozinho, sem ninguém por perto observando; se isso acontecer, entre num vortex anti-calórico e tudo o que conseguir comer nessa condição tem valor ZERO na contagem das calorias
d. álcool, se servido numa recepção, tem valor calórico nulo
e. bolos e doces servidos em festa só engordam se você comer o prato todo

LEMBRE-SE: STRESSED DE TRAS PARA FRENTE É DESSERTS.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 7:57 PM




Creuza, Cróvis e Craudete


Conversa entre duas 'negonas' que se encontram num ponto de ônibus, numa segunda-feira:

- E aí, Creuza, porque qui tu num foi ao pagodi onti?
- Pagodi? Qui pagodi qui nada, Craudete! Eu ônti saí cum branco de fechá o cumércio!
-Tu saiu cum branco!? Branco mermo?
-Tô ti falando, mulé! O nome dele é Cróvis. O cara tá amarradão na minha pessoa! Já tô até vendo aquele tal de menounograma nos nosso lençol 'Creuza & Cróvis'! Num vai ficá uma beleza?
- Mas me conta isso direito, Creuza! Cumo foi que tu arranjô essa préula?
- Tudo muito simpres, Craudete. Eu ia passando pela rua, ele se agradou da minha pessoa, puxô conversa e marcamo pra saí dinoite.
- E onde foi que tu se encontrô com ele? Conta logo, qui eu já tô ficano nevorsa!
- Se encontrei? Tu tá doida? O Cróvis veio foi me buscá em casa,que ele é um homi muito do fino! Hora marcada! E veio me buscá de carro minha nega! De carro! Num me meteu nesses ômbus que fica todo mundo roçando na gente, não! Também, eu não deixei por menos: me enfeitei toda naquele justinho pretinho e dorado, subi naquele tamanco vermelho e tasquei
aqueles brinco pratiado que tu me deu nos meus anos!
- Credo, Creuza! Tu divia tá um arraso! Aí cês foram fazê um lanche?
- E tu acha qui o Cróvis é homi di fazê lanche? Tá pensano qui ele me levô pra cumê no Angu do Gomes? Fumo num belo dum restaurante na Zona Sul.Cumi inté camarão, Craudete! Me deu até dó na hora qui eu tive qui palitá os dente, purque eu queria mermo era ficá saboreando aquelas carninha que fica agarrada até o dia seguinte!
- Tô toda arripiada! E depois, Creuza, e depois?
- Depois nós fumo dançá numa buati de crasse. Tiramo aquele sarro! Tomei até uísqui 12 ano! Se esbaldei!
- Qui inveja qui eu tô, mulé! Minha Nossa Senhora da Aparecida! Depois cês foram pro motel, é craro!
- Craro qui não! Não me fala bestera, Craudete! É craro qui nós fumo pru apartamento dele! Qui apê, mulé! Qui apê! Um luxo só! Sabe daqueles sofá que afunda quando a gente senta? Pois é!
- Deus seja louvado! E aí? E aí, Creuza? Já tô ficando toda impipocada! Esse branquelo é do cacete!
- Bom, aí nós cumeçamo a namorá. Beijo pra lá, beijo pra cá...fumo tirando a ropa... e aí ele pediu preu chupá o pênis dele!
- Péra aí, Creuza! Pênis? Qui diabo é isso?
- Pôrra, Craudete, como tu é inguinorante! É o mermo qui caraio, só que é mais branquinho, mais menor e mais molinho!

*Publicado por Dhuvi-Luvio 7:22 PM


domingo, fevereiro 17, 2002


FUI!

*Publicado por Dhuvi-Luvio 3:08 PM



*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:53 PM










Nome : Dhuvi-Lúvio
Local: Batel-Pr
Email para mim


EM CURITIBA

Links
Antigos

Powered by Blogger
Site Meter