<body>

Deixa com o Beque !!

sábado, julho 26, 2003



Seu Nélson, sogro de meu irmão, gente boníssima, partiu hoje para o céu...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 6:14 PM




Janis Joplin - Mercedes Benz Lyrics

"Oh Lord, won't you buy me a Mercedes Benz ?
My friends all drive Porsches, I must make amends.
Worked hard all my lifetime, no help from my friends,
So Lord, won't you buy me a Mercedes Benz ?

Oh Lord, won't you buy me a color TV ?
Dialing For Dollars is trying to find me.
I wait for delivery each day until three,
So oh Lord, won't you buy me a color TV ?

Oh Lord, won't you buy me a night on the town ?
I'm counting on you, Lord, please don't let me down.
Prove that you love me and buy the next round,
Oh Lord, won't you buy me a night on the town ?

Everybody!
Oh Lord, won't you buy me a Mercedes Benz ?
My friends all drive Porsches, I must make amends,
Worked hard all my lifetime, no help from my friends,
So oh Lord, won't you buy me a Mercedes Benz ?


That's it! "

*Publicado por Dhuvi-Luvio 1:53 PM


*Publicado por Dhuvi-Luvio 12:23 PM



*Publicado por Dhuvi-Luvio 12:10 PM






À beira de um ataque de nervos
(Zuenir Ventura)

O difícil é saber até onde pode levar essa perigosa escalada. A cada dia um limite está sendo ultrapassado, uma lei infringida, uma fronteira transposta. Tenta-se institucionalizar as transgressões. Invasões de terra e de prédios, ocupações, tumultos, enfrentamentos, confrontos, xingamentos, juízes dando exemplo de insubordinação civil e, para culminar, um fato inédito carregado de simbologia: pela primeira vez na História, a entrada da PM na Câmara para conter à força os manifestantes. Fala-se em diálogo e consenso, mas a palavra de ordem no momento é a violência: verbal, gestual e física. O país adotou a linguagem da intolerância.

E não será com apelos à paz que o presidente do PT, José Genoino, irá interromper essa marcha da insensatez. Basta ver o que disse esta semana o presidente do MST, José Stédile, reafirmando a disposição de seu “exército” à “guerra” e ao extermínio do inimigo: “não vamos dormir até acabarmos com eles” (os fazendeiros).

Há exatos 40 anos, houve um clima de tensão social e radicalismo parecido que desaguou no golpe de 64. Sabe-se que a história não se repete, que o Brasil é outro e os militares também. Nada indica que possa haver uma ruptura institucional. Existem mais diferenças do que analogias, mas há algo dos tempos de Jango nos tempos de hoje. Talvez não apenas o cheiro de crise e o estado de ânimo exaltado. Afora o fato de que a esquerda radical faz hoje o papel da direita ontem, há o mesmo voluntarismo que na época propunha “reforma agrária na lei ou na marra” e que hoje acredita estar “diante de uma nova chance histórica”. Ao fundo, parece tocar a trilha sonora de Geraldo Vandré: “quem sabe faz a hora, não espera acontecer”. A exemplo das Ligas Camponesas de Julião, o MST de João Pedro Stédile sonha não com uma reforma, mas com a revolução. É a ilusão de poder criada pela força da vontade.

Como em tudo, no começo também foi o verbo — ao se tornar desabrido e exacerbado. Quando um professor da USP, que sabe o valor das palavras, xinga um ministro de “imbecil”; quando representantes do Judiciário, tão zelosos do rito e da liturgia, perdem a compostura e a isenção; quando insignes representantes de nossas magnas instituições trocam insultos e desaforos como num botequim, é que estamos à beira de um ataque de nervos. Como já diagnosticou Octavio Paz, quando uma sociedade se decompõe, a primeira coisa que se corrompe é a linguagem — e esta poucas vezes esteve tão ameaçada quanto agora.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:21 AM


sexta-feira, julho 25, 2003





*Publicado por Dhuvi-Luvio 7:01 PM




A mulherzinha era ciumenta e possessiva. Estava desconfiando de seu marido. Chamou a amiga, tramou um plano: ela daria em cima do canalha.
É claro que para aquela mulher, seu conjuge era culpado, até que se provasse o contrário.
Dia desses ele estava sozinho em casa. Era tarde da noite, calor insuportável, futebol na televisão. Ele estava tomando uma cerveja. A campainha tocou, era a amiga gostosona da sua esposa.
Ela entrou, ele fechou a porta. Ela insinuou, ele se fez de desentendido. Sentaram-se no sofá. Ela pousou a mão sutilmente na coxa do homem. Ele a olhou, beijaram-se vorazmente.
— Canalha! Sua mulher tinha razão! — Disse ela, interrompendo bruscamente o beijo.
— Razão? — Ele retrucou, na esquiva, tentando entender.
— Ela tinha razão... Seu beijo é quente! Vem cá que vou arrancar sua roupa.


*Publicado por Dhuvi-Luvio 6:48 PM



*Publicado por Dhuvi-Luvio 9:03 AM



*Publicado por Dhuvi-Luvio 8:50 AM





O vocábulo MERDA e suas múltiplas aplicações.

Como indicação geográfica 1 :
- Onde fica essa merda?

Como indicação geográfica 2 :
- Vá à merda!

Como indicação geográfica 3 :
18:00h : Vou embora dessa merda.

Como substantivo qualificativo:
- Você é um merda!

Como indexador monetário :
- Você não vale uma merda.

Como auxiliar quantitativo:
- Trabalho pra caramba e não ganho merda nenhuma!

Como indicador de especialização profissional :
- Ele só faz merda.

Como indicativo de MBA :
- Ele faz MUITA merda.

Como questionamento dirigido:
- Fez merda, né?!

Como indicador visual:
- Não se enxerga merda nenhuma!

Como sensação olfativa:
- Isto está me cheirando a merda...

Como elemento de dúvida na indicação do caminho a ser percorrido:
- Por que você não vai à merda?

Como especulação de conhecimento e surpresa:
- Que merda é essa?

Como indicador de ressentimento natalino:
- Não ganhei merda nenhuma de presente!

Como indicador de admiração:
- Puta Merda !!

Como indicador de rejeição :
- Puta Merda !!!!

Como indicador de indignação :
- Puta que la Mierda !!!!!!

Como auxiliar impositivo de aceleração :
- Rápido com essa merda!

Como indicador de espécie:
- O que esse merda pensa que é?

Como indicador de continuidade :
- Na mesma merda de sempre.

Como indicador de desordem:
- Tá tudo uma merda!

Como constatação científica dos resultados da alquimia (toque de SADIM):
- Tudo o que ele toca vira merda!

Como resultado aplicativo :
- Deu merda.

Como constatação negativa :
- Que merda !!!!

Como classificação literária (aplica-se, por exemplo, a este post):
- Êta textinho de merda.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 8:37 AM



quinta-feira, julho 24, 2003








Enquanto 2004 não vem:

Os mandamentos da cerveja

1- As cervejas do tipo pilsen (tradicional) saem prontas da cervejaria. Portanto, não precisam de envelhecimento. Quanto mais cedo consumí-las melhor. Essas cervejas duram em média 90 dias.

2- Toda cerveja deve ser guardada em pé, em lugar fresco e sem sol, para evitar oxidação prematura.

3- Depois de gelada a cerveja deve ser consumida. Nunca descongelar e voltar à geladeira.

4- A cerveja deve resfriar na geladeira sem pressa. Não a coloque no freezer, pois a violência do congelamento prejudica a bebida.

5- A temperatura ideal para beber as do tipo pilsen é entre 4 e 6 graus. As temperaturas muito baixas prejudicam a formação de espuma e amortece as papilas degustativas.

6- Copos e canecas de cristal são os ideais, pois mantém melhor a espuma e a temperatura.

7- Resíduos de gordura no copo são fatais para a bebida, acabando com o colarinho e liberando o gás carbônico, o que deixa o líquido choco.

8- Dois dedos de espuma são o ideal para reter o aroma e evitar a liberação de gás carbônico.

9- A espuma revela a persistência e o bom estado da cerveja. Para aproveitá-la melhor, sirva derramando uma dose. Depois, espere baixar o colarinho. Em seguida, incline o copo até uns 45 graus, despejando o líquido devagar enquanto o colarinho sobe.

10- Cerveja faz bem à saúde. Com 90% de água, a bebida hidrata o corpo e, devido sua baixa graduação alcoólica, reativa o metabolismo. Além disso, é rica em vitaminas, carboidratos, proteínas e aminoácidos.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:36 PM


*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:31 PM


Dicionário do E

Economia -- comprar um barril de uísque que você não vai precisar pelo preço de uma vaca que você não pode pagar.

Economista -- especialista que saberá amanhã por que o que previu ontem não aconteceu hoje.

Educação -- a hipocrisia mais aceitável.

Egoísta -- aquele que não tem consideração pelo egoísmo dos outros.

Egotista -- pessoa de mau gosto que está mais interessada em si mesma do que em mim.

Eleitor -- indivíduo que goza do sagrado privilégio de votar em alguém que outra pessoa escolheu.

Emancipação -- quando um indivíduo troca a tirania de uma pessoa pelo despotismo de si mesmo.

Entusiasmo -- perturbação da juventude que se cura com pequenas doses de arrependimento e algumas aplicações de experiência.

Epitáfio -- inscrição tumular que demonstra que as virtudes adquiridas com a morte têm efeito retroativo.

Ermitão -- pessoa cujos vícios e insensatez não são sociáveis.

Erudição -- poeira que se sacode dos livros para dentro de um cérebro vazio.

Escrituras -- os livros sagrados de nossa sagrada religião; distinguem-se dos escritos falsos e profanos nos quais se baseiam todas as outras religiões.

Esotérico -- tudo que é particularmente obscuro e consumadamente oculto. As filosofias antigas eram de duas espécies: "exotéricas", que os filósofos eram capazes de entender parcialmente, e "esotéricas", as que ninguém conseguia entender. Estas últimas foram as que mais influenciaram o pensamento moderno.

Esquecimento -- dádiva divina concedida aos médicos como compensação por serem destituídos de consciência.

Estafa -- perigoso distúrbio que acomete funcionários públicos de alto escalão sempre que estes desejam férias.

Etnologia -- ciência que estuda as várias tribos humanas, como os ladrões, vigaristas, ignorantes, lunáticos, idiotas e etnólogos.

Exceção -- diz-se daquilo que toma a liberdade de diferir de outros de sua classe, assim como um homem honesto, uma mulher sincera etc.

Excêntrico -- método vulgar de distinção utilizado pelos imbecis para acentuar sua incapacidade.

Executivo -- autoridade governamental cujo dever é garantir o cumprimento da vontade do poder legislativo até o momento em que o judiciário a invalide.

Exilado -- diz-se daquele que, sem ser um embaixador, serve ao seu país indo morar em terra estrangeira.

Experiência -- sabedoria que nos permite reconhecer como indesejáveis todas as loucuras que já desejamos.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:25 PM




FRIENDS - TRILHA INICIAL

So no one told you life was gonna be this way
Your job's a joke, you're broke, your love life's D.O.A.
It's like you're always stuck in second gear
When it hasn't been your day, your week, your month, or even your year, but

I'll be there for you
(When the rain starts to pour)
I'll be there for you
(Like I've been there before)
I'll be there for you
('Cause you're there for me too)

You're still in bed at ten and work began at eight
You've burned your breakfast so far, things are going great
Your mother warned you there'd be days like these
But she didn't tell when the world has brought you down to your knees

I'll be there for you
(When the rain starts to pour)
I'll be there for you
(Like I've been there before)
I'll be there for you
('Cause you're there for me too)

No one could ever know me, no one could ever see me
Seems you're the only one who knows what it's like to be me
Someone to face the day with, make it through all the rest with

Someone I'll always laugh with
Even at my worst, I'm best with you

Yeah!

It's like you're always stuck in second gear
When it hasn't been your day, your week, your month, or even your year, but...


ATENÇÃO: Nesta terça-feira próxima vai ao ar o último episódio da nona temporada...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:18 PM


Churrasquinho de domingo
(Mário Prata)

Adroaldo, sua mulher Dircinha e um casal de filhos. O garoto com 11 e a menina com 8. Domingo de sol, a carne assando, Adroaldo lendo o Estadão, Dircinha ajeitando umas saladas, o menino atiçando o fogo e Ticiana lendo a revista Capricho.
- Olha isso, Dircinha, tá aqui no Estadão: "Juízes federais, com R$ 8.027, e procuradores da República, com R$ 12.571, ocupam o topo do ranking das carreiras mais bem remuneradas pelo Tesouro da União. Os valores são relativos à média dos proventos que os magistrados e os membros do Ministério Público Federal recebem mensalmente, na aposentadoria. No caso dos juízes, o montante é 21 vezes superior à média do trabalhador da iniciativa privada - R$ 374,89. No caso dos procuradores, a diferença salta para 33 vezes."
No que o garoto perguntou:
- Pai, além de apitar jogo de futebol, juiz faz o quê?
Antes que o pai respondesse, a garota, levantando o rosto da revista, foi categórica:
- Promotor, eu sei. Organiza shows, né, pá? Já li uma entrevista com a promotora da Rita Lee.
O garoto:
- Quando o juiz não marca o pênalti falam que a Justiça é cega, não é, pai?
- Dizem que os promotores de shows ganham mais doque os artistas.
O pai levanta o espeto, examina a carne:
- Não é bem assim. Vocês sabem que a Justiça brasileira trabalha e muito.
Por isto tem de ganhar mais do que a gente. Vejam quantos presos estão na cadeia esperando por um juiz. Não que eles sejam cegos, eles não têm é tempo.
A mulher entra na conversar com alfaces lavadas e frescas.
- Claro que alguns juízes não prestam, como em qualquer profissão. Vejam o caso do juiz Lalau. Ficou dois anos e meio preso.
- O que ele roubou, um par de sapatos?
- Mas já foi solto. Foi solto porque está com depressão.
- Ah, então deve ser só ele que tem depressão entre todos os presos do Brasil? Quer dizer que bandido com depressão tá legal, fica solto?
- Não é bem assim, Dircinha.
- Mas não é você quem vive dizendo, Adroaldo, que não existe justiça no Brasil?
- Existe sim, criatura. É lenta, mas existe. Tanto é que ganham estas fortunas, mesmo os aposentados.
- O vovô, que foi médico a vida toda, recebia quanto de aposentadoria, mãe?
- Duzentos e poucos, da Previdência.
A menina:
- Por isso que era tão deprimido?
- É, morreu de depressão.
- Quando você aposentar, você vai ganhar quanto, pai?
- Aí, depende, meu filho. Se os juízes e os promotores e o funcionalismo federal forem justos, quiserem justiça hoje, talvez quando chegar a minha vez eu ganhe um pouco mais. Está entendendo, tem de sobrar pra gente, né?
Tem de dividir o churrasco, quer dizer, o bolo.
O garoto:
- Pai, mas tá certo. Se o Ronaldo que é jogador, ganha o que ganha, o juiz tem de ganhar legal.
- Também acho que quem promove os shows da Rita Lee, que leva ela para todas as cidades, que ajeita tudo, que segura os fãs, também tem de ganhar legal.
Promotor é promotor. Olha que nome bonito. O que você faz? Sou promotor!
Pega bem paca!
- Tou achando que esta sua lingüiça tá passando do ponto, amor.
- O que é isso, Dircinha? Justiça seja feita! De churrasco eu entendo. De churrasco e de pré-depressão salarial.
- Sabe o que eu acho, Adroaldo? Se todos os bandidos brasileiros estão presos, se todos os presos continuam a ser ouvidos pela Justiça com direito a advogados, se todos os corruptos já estão atrás das grades, se todos os que mandam dinheiro ilegalmente para fora do Brasil estão sendo investigados, se não tem mais crime de colarinho branco no Brasil, acho justo esse pessoal ganhar mais do que a gente. É que a gente se sente protegido, você não acha?
- Vai uma picanha aí, minha filha?
- Pá, por que todos os juízes jogam de preto?
- Luto, meu filho. Luto...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:10 PM


*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:40 PM



domingo, julho 20, 2003

*Publicado por Dhuvi-Luvio 7:05 PM





*Publicado por Dhuvi-Luvio 6:54 PM


*Publicado por Dhuvi-Luvio 6:51 PM


"POBREMA" SEXUAL

O peão estava trabalhando na construção de uma torre quando, de repente, sente aquela vontade de urinar.
-Posso descer prá mijar? - pergunta ao encarregado.
-Porra nenhuma! Você vai perder muito tempo. Mije daqui mesmo!
- Como???
- Tá vendo aquela tábua? Vai até a ponta dele e mija dali.
- Mas ela vai cair!!
- Não se preocupe, eu fico na outra ponta prá fazer o contrapeso.
Assim que o peão tira o bilau prá fora, toca o telefone e o encarregado vai atender. O coitado despenca.
Algumas horas depois o engenheiro da obra tentava entender o que havia acontecido, onde falhou a segurança, quando um peão arriscou um palpite:
- Eu acho que foi pobrema sexual!
- Problema sexual?? indagou o engenheiro.
- É! Eu vi ele caindo.. tava com o bilau na mão e gritava "Cadê aquele viado? Cadê aquele viado?"!

*Publicado por Dhuvi-Luvio 6:24 PM



Você é pobre?! - Veja abaixo, e descubra se você é um...:

1- Levar sopa na garrafa térmica .
2- Tomar cerveja em copo de requeijão.
3- Ir em casamento com camisa de time de futebol.
4- Andar com aquela carteira profissional ensebada no bolso de trás.
5- Falar para os amigos na praia - "Quero ver se você faz isso" - e dar aquela cambalhota.
6- Esquentar a ponta da Bic pra ver se ela volta a escrever .
7- Fazer pacote com bolo e brigadeiro para entregar na saída do aniversário.
8- Andar pendurado na porta do ônibus.
9- Colar dinheiro com durex ou fita isolante.
10- Usar porta-documentos com os dizeres: "Lula / 94 sem medo de ser feliz".
11- Lamber a tampa metálica do iogurte.
12- Colocar bombril na antena da televisão.
13- Guardar resto da macarronada para fazer sopa no outro dia.
14- Colocar maiô ou biquini e tomar sol na represa.
15- Ir a praia em dia de chuva e levar toda a familia.
16- Correr atrás do guarda-sol na praia gritando "pega, pega!".
17- Acordar cedo no domingo pra lavar o carro antes que a água acabe.
18- Entrar de loja em loja perguntando os preços e dizer pro vendedor "só tô dando uma olhadinha, qualquer coisa volto mais tarde" .
19- Ir ao estádio de futebol, entrar pela geral, e pular para as sociais.
20- Pedir pro marido ir ao supermercado comprar pouca coisa e mandar ele trazer sacola plástica para botar lixo.
21- Decorar o muro do quintal com plantas em lata de óleo, leite em pó e tijolo.
22- Gritar pela janela do ônibus para o amigo e ele fingir que não te ouviu.
23- Fazer jogo de futebol com os times "camisa" x "sem camisa".
24- Rifar caixa de cholocate e dizer que é ação entre amigos.
25- Calçar o sofá sem perna com tijolo.
26- Ficar balançando lâmpada queimada para ver se volta a funcionar .
27- Botar neon igual da Super Máquina no pára- choque do automóvel Miura.
28- Ir pro trabalho de bicicleta, e dizer que é pra manter a forma.
29- Enrolar, ao contrário, bobina de máquina de calcular para aproveitar o outro lado.
30- Aproveitar garrafa plástica de refrigerante pra botar água na geladeira.
31- Regar as plantas de casa com panela.
32- Lavar fralda descartável com pinho sol, para usá-la novamente.
33- Acender latinha com álcool dentro do box do banheiro em dia de frio.
34- Guardar aqueles cacarecos em cima do guarda-roupas.
35- Secar tênis atrás da geladeira.
36- Dar presente embrulhado com papel das Casas Bahia.
37- Construir a calçada de casa com cacos de tijolos velhos, formando aqueles desenhos lindos.
38- Guardar sobra de material de construção em cima da laje.
39- Palitar dente com palito de fósforo, apontado com a faca do almoço suja de feijão.
40- Pedir pro cobrador do ônibus passar dois na roleta.
41- Receber visita e mostrar toda a casa.
42- Decorar vasos com flor desidratada e de plástico.
43- Guardar refrigerante com colher pendurada na boca, para não perder o gás.
44- Pedir pro filho ficar abanando o churrasco com tampa de caixa de sapato.
45- Comprar carro novo e não tirar o plástico dos bancos, para todos saberem que é novo.
46- Ficar discutindo com os amigos quantas barbas dá para fazer com uma lâmina.
47- Amarrar perna de óculos com arame.
48- Amarrar o cachorro com fio de luz.
49- Entrar na sessão de carne do supermercado e ir direto para o balcão de pelancas.
50- Passar final de semana na calçada tomando cerveja e comendo churrasco.
51- Brigar com meio mundo só porque o caixa não deu o troco de 3 centavos.
52- Usar fundo de garrafa descartável para colocar plantas.
53- Lamber ponta de borracha para apagar erro.
54- Usar prendedor de roupa para pendurar recado no trinco da porta .
55- Reformar a casa gastando R$50.000 e deixar as lâmpadas penduradas porque não tem R$10,00 para comprar as arandelas.
56- Passar miolo do pão no pote de margarina e prato de macarrão e mandar para baixo.
57- Guardar caixinhas de pasta Kolinos e esperar pela promoção.
58- Colocar copo de água em baixo da cama e da mesa para as formigas não subirem.
59- Correr a casa inteira com o chinelo na mão atrás da barata.
60- Abrir tubo de pasta de dente com tesoura para aproveitar o restinho que sobrou.
61- Usar pregador de roupa para manter fechado saco de açucar, arroz, farinha, etc.
62- Remendar coador de pano.
63- Comprar churrasquinho com vale transporte.
64- Copiar modelo inteiro da vitrine para depois fazer em casa.
65- Homem careca com rabo de cavalo.
66- Usar gravata colorida e com estampa de bichinhos só para dizer que é publicitário.
67- Jogar algodão na árvore de natal para dar efeito de neve.
68- Usar ombreira para esconder a rampa do ombro.
69- Esquentar pão de 10 dias no microondas, servir para visita, e dizer: "Tá quentinho, acabei de trazer da padaria".
70- Passar cuspe no cotovelo ressecado para amaciar .
71- Andar de carro com vidro fechado no maior calor só para pensarem que você tem ar condicionado.
72- Anotar recado de telefone em papel de pão.
73- Botar papel com álcool no sapato para amaciar .
74- Forrar palmilha com jornal para não passar frio no pé.
75- Esperar todo mundo da casa usar o banheiro para dar descarga só uma vez.
76- Guardar sobras de sabonete para depois fazer uma bola só.
77- Apertar parafuso da antena de TV com faca de ponta redonda, porque a chave de fenda está sendo usada para travar o vidro do carro.
78- Usar poster de carro importado para esconder mancha de umidade na parede.
79- Em dia de chuva amarrar saco plástico em volta do sapato para não molhar.
80- Colocar plástico em cima do telhado para evitar goteira .
81- Pendurar rolo de papel higiênico na parede com arame.
82- Deixar a bacia em cima da cama antes de ir para o trabalho para, se caso chover , a goteira não molhar sua cama.
83- Convidar os amigos para o churrasco de seu aniversário e pedir para cada um trazer uma coisa (carvão, espeto, carne, etc.).
84- Escrever na lataria de carro sujo: "LAVE-ME, POR FAVOR".
85- Colocar arranjo de fruta de plástico na mesa da sala.
86- Consertar tira de sandália havaiana com grampeador .
87- Mascar chicletes 3 horas seguidas até ficar branco e sem gosto.
88- Levantar de noite com sede e tomar água da pia do banheiro com a mão.
89- Usar calça social com tênis.
90- Dançar lambada com a sogra, passar uma rasteira na velha e mandar para as videocassetadas do Faustão.
91- Usar saco de arroz Tio João para encapar material escolar dos filhos.
92- Na hora do rango brigar com a mãe por causa da mistura.
93- Fingir que está dormindo no ônibus para não dar lugar a quem está de pé.
94- Pentear bigode e costeleta enquanto anda pela rua.
95- Aproveitar sobra de carpete para fazer tapete.
96- Enfeitar estante da sala com lembranças de casamento.
97- Esticar a língua para lamber o fundo do copo de iogurte.
98- Embrulhar caixa de fósforo com papel de presente para pendurar em árvore de natal.
99- Passar o fio dental e depois cheirar para ver se o dente está podre.
100- Colar o pivô com super bonder para não ter que ir ao dentista.
101- Tomar Martini em copo de plástico.
102- Passar pomada Minancora nas espinhas e sair com a cara toda branca.
103- Tirar cadarço do sapato do pai, cortar ao meio para fazer dois para o tênis do filho.
104- Invadir a roda de amigos para contar a piada do não nem eu.
105- Ir ao banheiro e fazer bola de papel higiênico molhado para jogar no teto.
106- Usar resto de sabão para tapar vazamento no bujão de gás.
107- Tirar cera do ouvido com chave do carro e tampa de caneta.
108- Guardar vinho velho para fazer vinagre.
109- Passar óleo queimado no cachorro para acabar com a sarna.
110- Fazer a barra da calça com fita crepe.
111- Ficar com fome durante a ponte aérea, não comer nada e levar o lanche para a esposa.
112- Dar uma festa e pedir mesa e cadeira para os vizinhos.
113- Levar material escolar em saco de Açucar União em dia de chuva.
114- Sair correndo e se matar para pegar ônibus que já está saindo do ponto.
115- Subir na laje para mexer na antena e ficar gritando lá de cima: "Melhorou?".
116- Guardar cueca furada para passar cera no carro.
117- Entrar em loja de R$1,99 e querer achar um presente legal.
118- Colocar buzina musical no carro e buzinar bastante.
119- Pegar ônibus errado e ir até o ponto final para não desperdiçar o dinheiro.
120- Ir ao restaurante e, antes de pedir a comida, perguntar se aceita ticket.
121- Usar o único ticket que o restaurante não aceita.
122- Ir embora do restaurante que não aceita seu ticket.
123- Fazer coleção de porta copos de bar.
124- Discutir na feira.
125- Usar calção de náilon manchado de tinta pra buscar pão de manhã.
126- Pechinchar em liquidação.
127- Conversar com um amigo, cada um de um lado da rua.
128- Oferecer sagu para as visitas.
129- Polir metade do carro por que faltou cera.
130- Aproveitar a chuva para lavar o carro.
131- Ir visitar um amigo, estacionar na frente do prédio em fila dupla, ignorar o interfone e começar a buzinar e gritar lá de baixo.
132- Chorar no ultimo capítulo da novela.
133- Dar caixa de chocolates para o amigo-secreto.
134- Botar folhas de jornal no chão do carro para tirar a umidade.
135- Faróis amarelos.
136- Quando estiver resfriado, assoar o nariz com o dedo na pia (p/ economizar papel higiênico)
137- Usar meia com chinelo.
138- Chupar os dentes (pra não usar palito)
138- Deixar a unha do dedo mindinho comprida p/ tirar cera do ouvido.
139- Ter um pinguim em cima da geladeira.
140- Tornar banho de tanque, mangueira ou caneca.
141- Coleção de caneca de cerveja na sala de visitas.
142- Ter enfeites de navio na sala.
143- Colocar água na garrafa de suco p/ aproveitar o restinho.
144- Ter cortininha de plástico no chuveiro.
145- O irmão que pisa pra dentro dar o tênis depois de usado pro irmão que pisa pra fora pra gastar o restante da sola.
146- Mascar chiclete e dar um pedaço já mastigado pro outro...Quer ???
147- Luz colorida no corredor.
148- Parar no posto para colocar R$ 3,00 de gasolina.
149- Colocar um tijolo atrás de cada pneu do carro p/ ele não descer na ladeira.
150- Balançar a toalha com farelos de comida na janela.
151- Pendurar roupa na janela.
152- Sair de casa com bobs na cabeça.
153-Esperar passar das 12:30 para ir à feira só prá pegar um "precinho mais em conta".
154-Pegar ônibus de terno e gravata e chegar no "trampo" dando uma de executivo.
155- Comprar um maço de beterraba com folha e tudo, e utilizar as folhas prá "fazer uma sopinha".
156-Ir a um cine 3D e levar os óculos para casa.
157- Encostar um caixote no muro para conversar com a vizinha.
158- Falar "menas", "sustancia", "mindingo" e a pior "resistro".
159- Gastar uma fortuna na troca das rodas originais do Chevette 1978 por rodas tala larga aro 17" cromadas (com o jogo de pneus de competição)
160- Colocar brinquinho na recém-nascida antes de sair da maternidade.
161- Ficar duas horas na fila da churrascaria no domingão, escutando a sogra reclamar do joanete.
162- Páteo de ardósia bem encerado.
163- Cobrir o fogão com papel alumínio.
164- Discutir com os amigos se a Brahma é melhor que a Antarctica.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 6:16 PM





Nome : Dhuvi-Lúvio
Local: Batel-Pr
Email para mim


EM CURITIBA

Links
Antigos

Powered by Blogger
Site Meter