<body>

Deixa com o Beque !!

sexta-feira, dezembro 05, 2003



Quero de presente de Natal. Quero mesmo !

*Publicado por Dhuvi-Luvio 3:20 PM




A Internet é a rainha das fofocas. Se o foco é uma celebridade rica, metida e patricinha, então a coisa cresce em regime exponencial. A mocinha da foto chama-se Paris Hilton e como o sobrenome não deixa dúvidas é uma das herdeiras da rede Hilton de hotéis.
Um
vídeo amador, no estilo do hit de Pamela Anderson e Tommy Lee Jones, mostra a socialite adolescente em cenas de filme pornô amador com o marido da atriz Shannen Doherty, Rick Solomon. Doherty e Solomon separaram-se depois das filmagens, mas estão juntos novamente.

Na fita, Hilton olha o tempo todo para a câmera e tenta mostrar seus melhores ângulos, enquanto ele tenta colocá-la nas posições sexuais mais fotogênicas.

Coincidência ou não, a mocinha está com um programa novo na TV. A esperta promoção deu resultado.
O seriado em que ela é protagonista estreou com recorde de audiência na FOX.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 3:17 PM




Fetiches. Só porque hoje é sex-ta-feira...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:46 PM








Afinando o Ouvido
(Paula Pimenta)

Para se gostar de um CD, por completo, é preciso calma. É necessário afinar o ouvido. E isso envolve todo um processo:

Fase 1: Coloque o CD e escute, sem parar, várias vezes. Por dias. No carro, no quarto, no walkman, tomando banho, enquanto almoça, antes de dormir... Mas precisa ser o CD inteiro. Resista à tentação de ficar só ouvindo aquela música que toca nas rádios. Essa você já conhece, pode até pular para a próxima faixa se quiser. Mas o resto do CD tem que tocar o tempo todo. Você tem que se acostumar com aquelas melodias, sem se preocupar com as letras. Enquanto o CD toca as setecentas vezes, você pode ler o encarte, reparar o nome dos compositores, anotar mentalmente o nome ou o número de alguma música que por acaso tenha te chamado a atenção... mas ainda não leia as letras. Isso faz parte da fase 2.

Fase 2: Agora, sim. Pegue o encarte e leia as letras. Sem a música no fundo. Leia como se estivesse lendo poesia. Anote também as letras que mais marcaram você.

Fase 3: Hora de juntar letra e melodia. Escute o CD enquanto acompanha a letras. Nessas alturas, você já vai estar familiarizado com as duas partes e vai ter uma surpresa. Aquelas músicas, que antes te davam preguiça, vão soar melhor e você vai se pegar até cantando junto.

Fase 4: Fique uns três dias sem escutar o tal CD. Então, coloque e apenas escute. Você verá que já está apaixonado por várias outras músicas, além daquela primeira (a que toca nas rádios e que te fez comprar o CD). Na verdade, você nem vai querer mais ouvir aquela, já vai ter elegido as suas favoritas e vai até estar mostrando para as pessoas do seu convívio (que, por não terem passado pelo mesmo processo que você, não entenderão sua paixão por aquela música “esquisita”).

Difícil? Um pouco. Escutar música é como gostar de alguém. Algumas pessoas nos conquistam facilmente. Outras exigem um tempo maior para que a gente se acostume com o jeito delas. Mas as que eu tenho que explorar, conhecer a fundo, prestar atenção na melodia e entender a letra são as que eu prefiro. Músicas e pessoas que todo mundo gosta não tem muita graça... são muito comuns, enjoam. Sou mais as que eu tenho que descobrir. As que me fazem apaixonar pelo que têm dentro.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:25 AM



quinta-feira, dezembro 04, 2003

*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:45 PM




RECEITA DE MULHER

O seu semblante, redondo
Sobrancelhas arqueadas
Negros e finos cabelos
Carnes de neve formadas.

Thomaz Antonio Gonzaga

Simpáticas feições, cintura breve,
Graciosa postura, porte airoso,
Uma fita, uma flor entre os cabelos.

Gonçalves Dias

Verde carne, tranças verdes.
Garcia Lorca

Lábios rubros de encanto
Somente para o beijo.

Junqueira Freire

A sua língua, pétala de chama.
Cândido Guerreiro

Nos lobos das orelhas
Pingentes de prata.

Gonçalves Crespo

Mão branca, mão macia, suave e cetinosa
Com unhas cor de aurora e luz do meio dia
Nas hastes cor-de-rosa.

Luiz Delfino

Os braços frouxos, palpitante o seio.
Casimiro de Abreu

A dorso aveludado, elétrico, felino
Porejando um vapor aromático e fino.

Castro Alves

Seu corpo tenha a embriaguês dos vícios.
Cruz e Souza

Com mil fragrâncias sutis
Fervendo em suas veias
Derramando no ar uma preguiça morna.

Teófilo Dias

Os olhos sejam de preferência grandes
E de rotação pelo menos tão lenta quanto
A da terra.

Vinícius de Morais

As curvas juvenis
Frescas ondulações da forma florescente
Imprimindo nas roupas um contorno eloquente.

Álvares de Azevedo

Qualquer coisa que venha de ânsias ainda incertas
Como uma ave que acorda e, inda mal acordada,
Move, numa tonteira, as asas entreabertas.

Amadeu Amaral

De longe, como Mondrians
Em reproduções de revistas
Ela só mostre a indiferente
Perfeição da geometria.

João Cabral de Melo Neto

Que no verão seja assaltada
por uma remota vontade de miar.

Rubem Braga

A graça da raça espanhola
A chispa do touro Miúra
Tudo que um homem namora
Tudo que um homem procura.

Paulo Gomide

Nádegas é importantíssimo
Gravíssimo porém é o problema das saboneteiras
Uma mulher sem saboneteiras
É como um rio sem pontes.

Vinícius de Morais

E todo o conjunto deve exprimir a inquietação e espera.
Espera, eu disse?
Então vou indo, que, senão, me atraso!

Millôr Fernandes

*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:45 PM





Enfim os caras
se renderam que nem todos FDPs são adeptos de PDFs...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:18 PM





Profissão: Anjo da Guarda
(Polzonoff)

Profissão triste mesmo deve ser a de anjo da guarda. Não seria este o verdadeiro castigo divino? A gente morre, vai para o Céu, se encontra com São Pedro, faz o balanço da vida e sai saltitante porque o barbudo deu o veredicto: “Anjo!”. E quando estamos quase nos acostumando com as asas descobrimos que não estamos destinados à contemplação eterna, e sim a bancar o guarda-costas espiritual dos mais diferentes seres do planeta.

Pode não ser tão ruim, claro, mas sempre tem um lado negativo. Ser anjo da guarda da Gisele Bündchen, por exemplo, tem lá seus inegáveis privilégios. Você pode vê-la dormindo usando apenas uma camiseta e uma langerie da Victoria Secret´s. Por outro lado, ter acesso à intimidade da beldade não me parece tão bom. Afinal de contas, Gisele Bündchen também é humana e, como tal, está sujeita às adversidades diárias de seu corpo.

Eu adoraria ser anjo da guarda de uma bibliotecária. Primeiro porque não teria trabalho algum. O que pode acontecer de ruim numa biblioteca? Ora, bala perdida eu tiro de letra. Segundo porque, obviamente, teria acesso a todos os livros que não pude ler em vida. A bibliotecária lá, carimbando entradas e saídas de livros, e eu finalmente me debruçando sobre O Homem Sem Qualidades, do Musil.

Se bem que não sei para que serviria um livro a um anjo, já que são poucos os que fazem referência a questões não terrenas. Como anjo da guarda quem sabe eu finalmente me interessasse por esoterismos os mais diversos. E levasse a cabo aquela leitura do Tao, que empacou há bons dez anos.

Mas não adianta: penso nos desgraçados. Nos anjos da guarda desvalidos que têm de cuidar de traficantes cariocas, terroristas palestinos, soldados americanos em Bagdá, casais de namorados em acampamentos e crianças que dormem na cama de Michael Jackson. São a escória dos anjos da guarda, tratados com certo desleixo pela nata celestial.

Dizem que Lúcifer foi anjo da guarda revolucionário. Cansou, simplesmente cansou do trabalho. Criou um Sindicato dos Anjos da Guarda (Sinaguard), promoveu greves (e cada greve era um genocídio, uma catástrofe), fez piquete em frente ao gabinete do Senhor. Deixou a barba crescer, planejava tratamento igualitário para os anjos da guarda, até mesmo para aqueles que, em vida, foram estupradores.

O resto vocês já sabem: foi expulso do Paraíso, com sua legião de descontentes e acabou virando presidente do Inferno, onde todos são iguais em seu suplício eterno.


*Publicado por Dhuvi-Luvio 1:09 PM





A história de um alemão que comeu o outro (sem viadagem, canibalismo mesmo!!)

PS: O Jornal Nacional está mesmo apelando e deu esta notícia ontem a noite.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 12:46 PM





VOLUMES

Ele :
O que importa na vagina
é a capacidade (de mexer)
e não o seu tamanho

Ela :
O que importa no pênis
é o cumprimento (do dever)
e não o seu tamanho



A lei da oferta e da procura, assim como a da gravidade, é uma lei natural.
Se há vários travestis no final da avenida Atlântica toda madrugada é porque
há muita clientela. O mesmo ocorre com os ínumeros aparelhos e métodos de promessas
de aumento peniano que recebemos todos os dias por meio de spams.
Esse deve ser um excelente mercado, senão não haveria tal proliferação.
Mas há uma constatação importante nisso tudo: eu até hoje não vi nenhuma
propaganda de algum aparelho ou pílula prometendo uma vagina mais
estreita ou fechada para as mulheres. Se elas estivessem preocupadas com tal situação
com certeza já haveria uma forma de correção eficiente...
O fato é que a experiência mostra que quando há uma química perfeita os
moldes se ajustam e principalmente a vontade e o tesão fazem com que os
lubrificantes naturais ajam de forma a adequar a acoplagem de um modo prazeroso...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:55 AM


A desigualdade e o trabalho

Não há, no universo, duas coisas iguais. Muitas se parecem umas às outras. Mas todas entre si diversificam. Os ramos de uma só árvore, as folhas da mesma planta, os traços da polpa de um dedo humano, as gotas do mesmo fluido, os argueiros do mesmo pó, as raias do espectro de um só raio solar ou estelar. Tudo assim, desde os astros, no céu, até os micróbios no sangue, desde as nebulosas no espaço, até aos aljôfares do rocio na relva dos prados.

A regra da igualdade não consiste senão em quinhoar desigualmente aos desiguais, na medida em que se desigualam. Nesta desigualdade social, proporcionada à desigualdade natural, é que se acha a verdadeira lei da igualdade. O mais são desvarios da inveja, do orgulho, ou da loucura. Tratar com desigualdade a iguais, ou a desiguais com igualdade, seria desigualdade flagrante, e não igualdade real. Os apetites humanos conceberam inverter a norma universal da criação, pretendendo, não dar a cada um, na razão do que vale, mas atribuir o mesmo a todos, como se todos se eqüivalessem.

Esta blasfêmia contra a razão e a fé, contra a civilização e a humanidade, é a filosofia da miséria, proclamada em nome dos direitos do trabalho; e, executada, não faria senão inaugurar, em vez da supremacia do trabalho, a organização da miséria.

Mas, se a sociedade não pode igualar os que a natureza criou desiguais, cada um, nos limites da sua energia moral, pode reagir sobre as desigualdades nativas, pela educação, atividade e perseverança. Tal a missão do trabalho.

O Brasil é a mais cobiçável das presas; e, oferecida, como está, incauta, ingênua, inerme, a todas as ambições, tem, de sobejo, com que fartar duas ou três das mais formidáveis.

Mas o que lhe importa, é que dê começo a governar-se a si mesmo; porquanto nenhum dos árbitros da paz e da guerra leva em conta uma nacionalidade adormecida e anemizada na tutela perpétua do governos, que não escolhe. Um povo dependente no seu próprio território e nele mesmo sujeito ao domínio de senhores não pode almejar seriamente, nem seriamente manter a sua independência para com o estrangeiro.

Eia, senhores! Mocidade viril! Inteligência brasileira! Nobre nação explorada! Brasil de ontem e amanhã! Dai-nos o de hoje, que nos falta.

Mãos à obra da reivindicação de nossa perdida autonomia; mãos à obra da nossa reconstituição interior; mãos à obra de reconciliarmos a vida nacional com as instituições nacionais; mãos à obra de substituir pela verdade o simulacro político da nossa existência entre as nações. Trabalhai por essa que há de ser a salvação nossa. Mas não buscando salvadores. Ainda vos podereis salvar a vós mesmos.

Trechos de Oração aos Moços, de Rui Barbosa; Edição Ridendo Castigat Mores. Versão para eBook eBooksBrasil.com. Circulando.com


*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:50 AM








MULHERES - A RÉPLICA
(Anônimo - Via Email)

Se a gente se insinua, é uma mulher atirada;
Se a gente fica na nossa, tá dando uma de difícil;
Se a gente aceita transar no início do relacionamento,é uma mulher fácil;
Se a gente não quer ainda, tá fazendo doce;
Se a gente põe limitações no namoro, é autoritária;
Se concorda com o que o namorado diz, é uma lesa sem opinião;
Se a mulher batalha por estudos e profissões, é uma ambiciosa;
Se não tá nem aí pra isso, é dondoca;
Se a gente adora falar em política e economia, é feminista;
Se não se liga nesses assuntos, é desinformada;
Se a mulher corre pra matar uma barata, não é feminina;
Se corre de uma barata, é uma medrosa;
Se a gente aceita tudo na cama, é vagabunda;
Se não aceita, é fresca;
Se a gente ganha menos que o homem, é pra ser sustentada;
Se ganha mais que o homem, é pra jogar na cara deles;
Se a gente adora roupas e cosméticos, é narcisista;
Se não gosta, é desleixada;
Se sai mais cedo do trabalho, é folgada;
Se sai mais tarde, tá dando pro chefe;
Se faz hora extra, é gananciosa;
Se gosta de TV, é fútil;
Se gosta de livros, tá dando uma de intelectual;
Se a gente se chateia com alguma atitude dele, é uma mulher mimada;
Se aceita tudo o que ele faz, é submissa;
Se a gente quer ter 4 filhos, é uma louca inconseqüente;
Se só quer ter 1, é uma egoísta que não tem senso maternal;
Se a gente gosta de rock, é uma doida chapadeira;
Se gosta de música romântica, é brega;
Se gosta de música eletrônica, é porra-loca;
Se a gente usa sainha curta, é vulgar;
Se usa saia comprida, é crente;
Se a gente tá branca, eles dizem pra gente pegar uma corzinha;
Se tá bem bronzeada, eles dizem que preferem as mais clarinhas;
Se a gente faz cena de ciúme, é uma neurótica;
Se não faz, não sabe defender seu amor;
Se a gente fala mais alto que ele, é uma descontrolada;
Se a gente fala mais baixo, é subserviente;

E depois vem dizer que mulher é que é complicada

"Mulheres existem para serem amadas, não para serem entendidas."

*Publicado por Dhuvi-Luvio 9:37 AM




Prefeito proíbe homossexuais em cidade do Paraná
(Portal Terra Brasil)

O prefeito de Bocaiúva do Sul, Élcio Berti (PFL), assinou hoje um decreto proibindo que homossexuais vivam na cidade, a 40 quilômetros de Curitiba, ou melhor, proibindo "a concessão de moradia e a permanência fixa de qualquer elemento ligado a esta classe (homossexuais), que não trará qualquer natureza de benefícios para este município", como diz o decreto.

De acordo com o prefeito, a decisão de editar o novo decreto foi tomada depois que ele recebeu a ligação telefônica de um homem que queria morar no município com o namorado.

"Nossa preocupação é muito grande, quanto às crianças, quanto às famílias bocaiuvenses. Nós não podemos aceitar qualquer coisa em nosso município. A grande verdade é que tomamos um posicionamento", disse Berti, em entrevista à CBN. Para o prefeito, essa é uma "tentativa de ridicularizar a instituição do casamento como instituição natural para a geração e educação de filhos".

O prefeito disse que não é com homossexuais que a população do município irá aumentar. "Não é isso que nós queremos. Nós queremos uma população sadia, de trabalho, de futuro. Então por isso tomamos essa decisão no dia de hoje", disse na entrevista.

O prefeito já é acostumado em tomar decisões polêmicas. No ano passado, ele anunciou a construção de um Ovniporto, com a intenção de atrair extraterrestres. Berti também já distribuiu pacotes de amendoim para aumentar a população da cidade (9 mil habitantes) e também já tentou proibir o uso de camisinhas e cigarros na cidade.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 9:34 AM


quarta-feira, dezembro 03, 2003



1- O USO CONTÍNUO DO ÁLCOOL PODE LEVAR AO USO DE DROGAS MAIS PESADAS?
Não, o álcool é a mais pesada das drogas, apenas uma garrafa de cerveja, pesa cerca de 900 gramas.

2- A CERVEJA CAUSA DEPENDÊNCIA PSICOLÓGICA?
Não. 89,7% dos psicólogos e psicanalistas entrevistados afirmam que preferem whisky.

3- MULHERES GRÁVIDAS PODEM BEBER SEM RISCO?
Sim. Está provado que nas blitz da polícia, eles nunca pedem pra fazer o teste nas gestantes... E quando elas tem que andar em linha reta,
os guardas acham que ela está torta pelo peso da barriga.

4- CERVEJA PODE DIMINUIR OS REFLEXOS DOS MOTORISTAS?
Não. Uma experiência foi feita c/ mais de 500 motoristas: foi dada 1 caixa de cerveja para cada um, e, em seguida, colocaram um por um diante de um espelho. Em nenhum dos casos, os reflexos foram alterados.

5- EXISTE ALGUMA RELAÇÃO ENTRE BEBIDA E ENVELHECIMENTO?
Sim. A bebida envelhece muito rápido. Para se ter uma idéia, se você deixar a cerveja aberta em cima da mesa por muito tempo sem um
acondicionamento especial, ela perde o seu sabor em aproximadamente quinze minutos.

6- A CERVEJA ATRAPALHA NO RENDIMENTO ESCOLAR?
Não, pelo contrário. Alguns donos de faculdade estão aumentando suas rendas com a venda de cerveja nas proximidades de bares
universitários.

7- BEBIDA MATA?
Sim. Anos atrás, soube-se que um rapaz, ao passear pelas ruas, foi atingido por 1 caixa de cerveja que caiu de um caminhão, levando-o à morte instantânea. Além disso, casos de infarto do miocárdio em idosos têm sido associados às propagandas de cervejas com modelos gostosas.

8- O QUE FAZ COM QUE A BEBIDA CHEGUE AOS ADOLESCENTES?
Inúmeras pesquisas vêm sendo feitas por laboratórios de renome. Todas indicam que em primeiro lugar estaria o garçom.

9- A CERVEJA CAUSA DIMINUIÇÃO DA MEMÓRIA?
Que eu me lembre não.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 5:28 PM



Playboy e na VIP , fotos Syang nua Playboy , Daniella Cicarelli nua Playboy e VIP , fotos Catia Paganote paquita Miuxa nua na sexy , fotos Helen Roche nua Playboy , fotos Scheila Carvalho nua , foto Gisele Itié nua , fotos Fernanda Paes Leme nua, fotos Luciana Picorelli nua , fotos Karine Lemes nua , fotos ninja Tatiane Biscesto nua , fotos Karina Bacchi nua, fotos Manuela nua, fotos Daniela Sarahyba nua, fotos Luana Piovani nua , fotos Xuxa nua , fotos Fernanda Lima nua , fotos Angélica nua , fotos Pietra Ferrari nua , fotos Danielle Winits nua, foto Hellen Rocche nua , foto Sharon Stone nua , foto Daniela Freitas nua, fotos Ticiane Pinheiro nua, fotos Thaís Ventura BBB nua , fotos Taís Ventura nua , fotos Thais Ventura pelada Playboy , fotos Xaiane - BBB nua , Fotos Juliana Paes nua, fotos de Deborah Secco nua, fotos Luciana Gimenez nua , fotos Taty Meyer nua , fotos Luize Altenhofen nua , fotos Juliana Silveira nua. Esta foi a parte soft . Agora , tem a parte Hard : fotos ex-namorada nua , fotos travestis , fotos transexuais , fotos gays , fotos GLS , fotos festa FGV , mediCUzinhos , fotos de advogadas nuas e outras putarias...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 4:13 PM




HOMEM - é aquele que sonha ser tão bonito quanto a mãe acha que ele é; ter tanto dinheiro quanto o filho dele acha que tem; ter tantas mulheres quanto a mulher dele acha que ele tem e ser tão bom de cama como ele acha que é.

CHEFE - é aquele que vem cedo quando você vem tarde e tarde quando você vem cedo.

SEXO - é aquilo que quando é bom é ótimo, mas mesmo quando é ruim ainda é muito bom.

COQUETÉIS - são reuniões programadas para se encontrar pessoas que não vale a pena convidar para jantar.

DIPLOMATA - é um sujeito que pensa duas vezes antes de não dizer nada.

CASAMENTO - é uma tragédia em dois atos: civil e religioso.

UÍSQUE - é o melhor amigo do homem. É o cachorro engarrafado.

FACULDADE - é uma instituição financeira que vende diplomas: o aluno é o consumidor interessado em comprar e o professor é o cara que quer atrapalhar as negociações.

STATUS - é comprar uma coisa que você não quer, com um dinheiro que você não tem, para mostrar pra gente que você não gosta, uma pessoa que você não é. (DEFINIÇÃO PERFEITA!!!)

DISTRAÍDO - é aquele sujeito que, na hora de dormir, beija o relógio, dá corda no gato e enxota a mulher pela janela.

IDOSO - é aquele que quando jovem costumava ter quatro membros flexíveis e um duro. Agora tem quatro duros e um flexível.

CIGARRO - pequeno cilindro de papel recheado de fumo, com uma brasa
numa das extremidades e um idiota na outra.

FAMÍLIA - grupo de pessoas que se defendem em público e se atacam em particular.

PSICANALISTA - sujeito que ganha uma boa grana pra fingir que está
interessado no que o paciente lhe diz.

PERVERSÃO SEXUAL - modalidade de prática sexual assim denominada só
enquanto a maioria não adere.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 3:32 PM




O cracker norueguês Jon Lech Johanson, de 19 anos, conhecido também como DVD Jon, voltou a ser destaque nos principais noticiários internacionais. Ele agora teria desenvolvido o programa QTFairUse, capaz de burlar a proteção anticópia em arquivos no formato MPEG-4 AAC (Advanced Audio Coding), utilizado pelo site de música on-line da Apple, iTunes.

O jovem cracker ganhou fama mundial depois de criar o software DeCSS, que permite a cópia de DVDs protegidos pelo programa CSS (Content Scrambling System). O novo programa, chamado de QuickTime for Windows AAC Memory Dumper (QTFairUse), foi disponibilizado no
blog mantido pelo cracker com o sugestivo nome "So sue me" (Processe-me então).

As informações disponibilizadas por sites internacionais informam que este não é o primeiro programa criado para burlar o sistema anticópia em arquivos do site iTunes. Porém, Jon foi o primeiro desenvolvedor a disponibilizar um programa desse tipo com o código aberto.

Em janeiro de 2003, Johanson foi julgado e considerado inocente pela corte de Oslo, na Noruega. Ele era acusado de incentivo a pirataria e quebra de direito autoral por criar o software DeCSS, que permite a cópia de DVDs protegidos pelo programa CSS.

O DeCSS consegue desativar o CSS, um programa de criptografia que protege os DVDs contra cópias ilegais. Ele disponibilizou na web tal programa, que acabou causando a ação formal da Associação de Produtores de Filmes da América.

A alegação dos advogados de defesa se baseou no fato de Johanson ter desenvolvido o programa para assistir em seu computador - com sistema operacional Linux - um DVD comprado de forma legal.

Segundo as investigações, Johanson tinha apenas 15 anos quando desenvolveu o programa. Em outubro de 1999, ele disponibilizou o DeCSS para ser baixado via internet. Nos primeiros três meses, mais de cinco mil downloads foram efetuados.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 3:16 PM




Microsoft lança serviço de blog
(IDG Now!)

A Microsoft lançou sem grande estardalhaço um serviço online de blogging, de olho no público jovem na faixa etária de 20 anos que entenda de tecnologia. O serviço não é restritivo: aparentemente, quem mais quiser poderá ter seu blog.

Chamado de
TheSpoke (algo como AFala), o site é parte de uma iniciativa da Academia de Desenvolvimento da empresa, segundo um porta-voz da Microsoft.

O site foi criado pela Earth9 Pte. e foi ao ar na semana passada, de acordo com o porta-voz da Smooth Fusion, companhia texana que gerencia o TheSpoke para a Microsoft.

De acordo com o porta-voz, a Academia de Desenvolvimento da Microsoft tem como objetivo construir uma comunidade de estudantes interessada em desenvolvimento de software.

O TheSpoke ainda está em teste e mais opções serão adicionadas, ele disse, complementando que não há intenção de competir com outros serviços de blogging mais populares como o Blogger.

A Microsoft formou comunidades específicas de blogs para pessoas com grande interesse em softwares da empresa, como os blogs GotDotNet, mas não oferece nenhum mecanismo de mercado para o serviço.

Isso parece ter mudado. O TheSpoke parece mais ser um esforço atingir o grande público. Os primeiros membros para o site foram recrutados em mensagens publicadas em sites de games. Em um desses chamados, aparentemente da equipe controladora do TheSpoke, há a clara intenção de atingir pessoas jovens que queiram escrever em blogs sobre tecnologia e games.

"O TheSpoke é uma comunidade online para jovens líderes que são interessados e têm opiniões sobre tecnologia. O serviço oferece ferramentas para colaborar, discutir e debater o futuro da tecnologa" diz o anúncio de recrutamento publicado, no começo de novembro, em um site específico ao Xbox.

Joe Wilcox, um analista senior da Jupiter Research, não vê o TheSpoke como uma ameaça para outros serviços de blogging, mas sim como uma ferramenta criada pela Microsoft para apoiar e "seduzir" jovens desenvolvedores de software que, no futuro, possam trabalhar em projetos concorrentes à Microsoft.

"Considerando que o pensamento acadêmico está voltado majoritariamente para Macs e desenvolvimento em Unix e Linux, a Microsoft está se mostrando muito sábia em criar recursos alternativos como o TheSpoke, em que estudantes e desenvolvedores iniciantes podem se juntar e construir uma comunidade".

*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:57 PM




PERIGOS DE SE LEVAR A PRÓPRIA MULHER AO MOTEL...
(Luiz Fernando Veríssimo)

Mirtes não se agüentou e contou para a Lurdes:
- Viram teu marido entrando num motel.
A Lurdes abriu a boca e arregalou os olhos. Ficou assim, uma estátua de
espanto, durante um minuto, um minuto e meio. Depois pediu detalhes.
- Quando? Onde? Com quem?
- Ontem. No Discretíssimu's.
- Com quem? Com quem?
- Isso eu não sei.
- Mas como? Era alta? Magra? Loira? Puxava de uma perna?
- Não sei, Lu.
- Carlos Alberto me paga. Ah, me paga.
Quando o Carlos Alberto chegou em casa a Lurdes anunciou que iria
deixá-lo. E contou por quê.
- Mas que história é essa, Lurdes? Você sabe quem era a mulher que estava
comigo no motel. Era você!
- Pois é. Maldita hora em que eu aceitei ir. Discretíssimu's! Toda a
cidade ficou sabendo. Ainda bem que não me identificaram.
- Pois então?
- Pois então que eu tenho que deixar você. Não vê? É o que todas as
minhas
amigas esperam que eu faça. Não sou mulher de ser enganada pelo marido e
não reagir.
- Mas você não foi enganada. Quem estava comigo era você!
- Mas elas não sabem disso!
- Eu não acredito, Lurdes! Você vai desmanchar nosso casamento por isso?
Por uma convenção?
- Vou!
Mais tarde, quando a Lurdes estava saindo de casa, com as malas, o Carlos
Alberto a interceptou. Estava sombrio.
- Acabo de receber um telefonema - disse. - Era o Dico.
- O que ele queria?
- Fez mil rodeios, mas acabou me contando. Disse que, como meu amigo,
tinha que contar.
- O quê?
- Você foi vista saindo do motel Discretíssimu's ontem, com um homem.
- O homem era você!
- Eu sei, mas eu não fui identificado.
- Você não disse que era você?
- O que? Para que os meus amigos pensem que eu vou a motel com a minha
própria mulher?
- E então?
- Desculpe, Lurdes, mas...
- O quê?
- Vou ter que te dar uma surra...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 2:52 PM


terça-feira, dezembro 02, 2003

*Publicado por Dhuvi-Luvio 10:41 PM





ATENÇÃO PARANAENSES:

- O povo da Georgia acabou de depor seu presidente
- O povo da Bolivia (em sua maioria índios) fez o mesmo

O povo paranaense votou no Sr. Roberto Requião principalmente
pela promessa de baixar o preço dos pedágios. Pois é, o preço
não desceu, e agora, pasmem, vai subir !! Aí o cara vai para a TV
e rádio em rede estadual e pede ao povo que o ajude. Como ?
Ligando para as emissoras para reclamar. Isso mesmo, o povo
deve pegar o telefone e engarrafar os troncos telefônicos das
emissoras. Ou seja, o governador repassa o problema que não
conseguiu resolver ao povo e ainda por cima dá uma idéia mais
do que imbecil...


PS: alguém já foi de Curitiba para Apucarana pela Rodonorte ?
São 6 pedágios numa rodovia de mão-dupla sem acostamento...

Em tempo: o filho do dono da concessionária de pedágio é o
presidente do departamento de trânsito do governo Requião.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 8:38 PM


segunda-feira, dezembro 01, 2003



Faltavam poucos dias para o casamento de Adolfo. A mãe da moça, uma quarentona escultural, estilo Vera Fischer, lhe disse, no sofá da sala.
-Adolfo, quero que você saiba que eu sempre te achei um homem atraente e, bem, estou sem graça de falar...
- Pode falar, dona Sônia! Fique a vontade!
- Bom, Adolfo, antes que você se case com a minha filha, eu quero dizer que sou doida para transar com você!
Adolfo fica boquiaberto e ela prossegue:
- Eu vou lá pro quarto ! Se você quiser ir embora, já sabe onde é a porta... Se quiser "me ter" (ME TER é cômico!!!) é só ir lá pro quarto. Estarei te esperando...
Adolfo espera a sogra ir para o quarto, pensa por meio segundo e decide o caminho que vai tomar. Corre para fora e encontra, apoiado no seu carro,o seu sogro, marido da dona Sônia, sorridente.
-Parabéns, Adolfo! - disse ele - Queríamos saber se você era um homem fiel, honesto e leal e você passou pelo teste!
Então a sogra saiu da casa e tambem o cumprimentou.


Moral da história: É bem melhor carregar as camisinhas no porta-luvas do carro do que na carteira...

*Publicado por Dhuvi-Luvio 4:32 PM




A História de uma Portuguesa que comprou uma Mercedes-Benz conversível (descapotável).

*Publicado por Dhuvi-Luvio 4:17 PM






“Muito além do cidadão Kane”
(Antônio Brasil)

O documentário de Simon Hartog sobre a Rede Globo para a TV britânica está completando 10 anos. Por mais incrível que pareça, continua proibido para aqueles que seriam os principais interessados: os telespectadores brasileiros. Apesar de
todas as mudanças em nosso país, o último trabalho de um grande documentarista permanece refém de artifícios jurídicos. Simon Hartog cometeu a ousadia de dirigir seu olhar sobre a nossa televisão e, no Brasil, é muito perigoso mexer com os interesses dos poderosos. A
justiça se tornou desculpa para “censura”.

Na época, tive o privilégio de conhecer o Simon Hartog no Brasil. Ela já era considerado um dos mais polêmicos diretores da velha escola britânica de documentários. Pude participar, muito discretamente, da produção e, sinceramente, já previa os problemas. Simon Hartog fazia
parte de um grupo de cineastas europeus de avantgarde e de esquerda, que se reuniam na London Coop. Todos estavam envolvidos com a produção de filmes considerados “sensíveis”. Anos antes de produzir Beyond Citizen Kane, ele já tinha visitado nosso país e realizado "Brazil: Cinema, Sex and the Generals", sobre a produção de “pornochanchadas” durante o período da ditadura.

Sua própria imagem ainda guardava os resquícios de uma cirurgia seriíssima no cérebro. Era impossível desviar o olhar de uma enorme cicatriz. Parecia envelhecido, cansado ou doente, mas determinado a concluir, de qualquer maneira, o que viria a ser seu último filme.
Era um homem com uma missão. Ele me impressionou muito pela seriedade e profissionalismo com que se dedicava a um projeto tão complexo e polêmico. Apesar de acreditar no documentário, tinha sérias dúvidas se conseguiria realizá-lo sem as imprescindíveis autorizações globais.

Sou testemunha de que ele bem que tentou obtê-las. Solicitou por escrito todas as imagens e as entrevistas necessárias para a produção do documentário e, obviamente, tudo lhe foi negado pela direção da Globo. Sempre digo que fazer jornalismo investigativo ou usar
câmeras ocultas no Brasil é bom para os outros ou para os nossos inimigos!

Em conversas pessoais durante os intervalos das gravações, ele sempre demonstrou muita surpresa por nós brasileiros não termos jamais produzido um documentário sobre o poder da Globo. E eu pensava com os meus botões: “quanta ingenuidade!. Deve ser produto de
democracia madura em país com TV pública forte e independente!". Hoje, no caso da guerra do Iraque, o governo Blair bem sabe o que significa enfrentar o poder do jornalismo de uma TV pública ou independente como a BBC.

Mas o futuro e a Globo garantiriam muitas dores de cabeça e outras "cicatrizes" para o velho Hartog. Os advogados da empresa tentaram durante longos meses impedir a exibição do documentário na Inglaterra e em qualquer país do mundo. Mas Hartog era um homem com uma
missão e não se intimidou com as negativas da Globo. Muito pelo contrário. Ele buscou e encontrou as soluções consideradas “alternativas” para ilustrar o seu documentário. De qualquer maneira, os advogados da empresa fracassaram e o documentário foi exibido pela primeira vez, com muito sucesso em 10 de março de 1993.

Mas aqui no Brasil, tudo seria diferente. A Globo venceu na justiça e o público brasileiro perdeu. Apesar de algumas tentativas esporádicas, continuamos reféns de sutilezas legais que nos impedem de ver o único documentário produzido sobre o poder da Rede Globo. Estamos impedidos de assistir a depoimentos brilhantes de personalidades como Chico Buarque, Leonel Brizola e Washington Olivetto, e tantos outros que conheceram na pele o poder da Globo.

Em tempos de promessas de mudanças, com a Globo apoiando as reformas do governo Lula e precisando muito da boa vontade do governo e de muito dinheiro público para evitar a falência, também seria bom lembrar ao dirigentes do partido no poder, uma pequena notícia publicada no jornal O Estado de S.Paulo de 09/06/1993. Recordar é viver:
"PT mostra na Câmara documentário da TV inglesa sobre a Globo (Brasília, 9/6/93).
A fita de vídeo "Brasil: Além do Cidadão Kane", documentário produzido pela televisão inglesa "Channel Four" sobre a Rede Globo, foi exibida hoje no espaço cultural da Câmara dos Deputados para uma platéia formada por políticos e jornalistas. A sessão foi promovida pelo PT e o deputado Luiz Gushiken (PT-SP), que conseguiu a fita na Inglaterra e encaminhou hoje uma cópia do programa para a Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara. Com base no documentário, que denuncia as ligações da Globo com os militares, Gushiken vai encaminhar uma representação à Procuradoria-Geral da República para que a emissora do empresário Roberto Marinho seja enquadrada no artigo 220 da Constituição, por formação de monopólio e oligopólio..."


É, o mundo dá mesmo muitas voltas! Quem diria, hein? Os partidos e os políticos mudam, mas a verdade é que o vídeo de Simon Hartog continua “censurado”. Trata-se de um documento fundamental para entendermos o Brasil e a nossa TV. Uma referência importante para a formação das novas gerações de brasileiros e de jornalistas que não têm a menor idéia do passado do nosso principal meio de comunicação.

O documentário envelheceu, mas ainda contém uma coletânea de informações preciosas sobre a História da TV brasileira. É uma visão de um cineasta estrangeiro de um Brazil com Z. Mas a vantagem é que o Simon Hartog não tinha sido “hipnotizado” ou se intimidado pelo poderio das imagens da nossa televisão. Hartog, certamente, estava “muito além do nosso cidadão Kane”. Como era de se esperar, ele ocorreu alguns meses após a exibição do seu polêmico documentário. Para nós brasileiros, espero que tenha valido a pena.

P.S: Se estiver interessado e possuir conexão com banda larga,
baixe-o aqui (ou em partes no link do CMI-Brasil)

*Publicado por Dhuvi-Luvio 1:50 PM






A praga brasileira
(Diogo mainardi)

Fome? Desemprego? Criminalidade? Nada disso. O maior problema do Brasil é a propaganda política. Em nenhum lugar do mundo há tanta propaganda política quanto aqui. Toda noite tem algum partido mentindo para a gente, nos intervalos do Jornal Nacional. Fomos da ditadura dos militares diretamente para a ditadura dos políticos. Instauraram uma espécie de totalitarismo democrático. Para cada minuto de informação, somos obrigados a engolir meia hora de programação partidária, em que os políticos podem nos enganar à vontade, sem desmentidos.

Eles aparecem em comerciais de trinta segundos e em programas de vinte minutos. Também aparecem no canal de televisão da Câmara ou no do Senado. No rádio, podem contar com a Hora do Brasil. O presidente da República, quando quer, fala à nação em cadeia nacional. Como se não bastasse, decidiu ter um programa no rádio, toda segunda-feira. Prefeitos e governadores dispõem de televisões públicas. Compram, igualmente, espaços publicitários nas televisões comerciais. Os ministros usam as verbas de propaganda das empresas estatais para reforçar a imagem do governo e para barganhar a cumplicidade de veículos de comunicação, muitos dos quais dependem dessas verbas para sobreviver. Difícil encontrar um político que não seja dono de uma emissora de televisão ou rádio. Os que não são donos são amigos dos donos. Os jornalistas, que teoricamente serviriam de contrapeso para o poder político, também estão do lado de lá. De fato, o Estado emprega muito mais jornalistas do que qualquer grupo particular. Nem na Romênia de Ceausescu a ocupação dos meios de comunicação pelos políticos foi tão grande.

Propaganda política não é só o que a gente acompanha na imprensa, no rádio, na televisão. Ela pode assumir muitas outras formas. Uma viagem para participar de um comício. Uma inauguração de uma obra. Um programa social. Uma campanha de vacinação. Um trecho de um livro didático. Um patrocínio de um evento cultural. Tudo é manipulado pelos políticos. Tudo é pago por nós. Por um preço alto demais. Entre o que se gasta em propaganda oficial, mais o que se gasta em propaganda camuflada, mais o que se gasta com empreguismo eleitoreiro, mais o que se gasta em corrupção para financiar a propaganda, a política acaba custando mais do que educação e saúde. Um exemplo: o Brasil tem 5.000 e tantos municípios. Boa parte não conta com receita própria. Funciona apenas como curral eleitoral. Pagamos o salário e a aposentadoria de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores cuja única função é arrebanhar votos para os caciques locais. Ou seja, pagamos para que façam propaganda.

Diminuir a presença dos políticos na vida nacional só traria benefícios. Eu tenho algumas sugestões. Fechar as televisões públicas. Vender Petrobras, Eletrobrás e Banco do Brasil. Abolir toda a propaganda política, paga ou gratuita, exceto no período eleitoral. Cortar pela metade o número de municípios. Proibir os políticos de possuir qualquer forma de concessão pública. Limitar com rigor os gastos das campanhas.

Quanto menos os políticos aparecerem, melhor.

*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:22 AM



*Publicado por Dhuvi-Luvio 11:05 AM









Nome : Dhuvi-Lúvio
Local: Batel-Pr
Email para mim


EM CURITIBA

Links
Antigos

Powered by Blogger
Site Meter